IPVA mais caro, entenda o motivo [IPVA 2022]

IPVA mais caro em 2022

E aí, motorista, já está se preparando para o IPVA 2022 ou ainda nem pensou nisso? Agora que já estamos em dezembro, e tudo leva a crer que vem um  IPVA mais caro por aí, o Gringo já se preparou para deixar todas as regras deste imposto separadas para você, vem com a gente neste post

Mas o que é o IPVA mesmo?

A sigla IPVA significa “Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores”, e como o próprio nome diz, o IPVA é um imposto que os proprietários de veículos pagam anualmente. Esse imposto é estadual, sem relação com o governo federal, e é cobrado independente do tipo de veículo (motos, carros, ônibus, caminhões etc), desde que sejam veículos que circulam em terra.

Cada Estado arrecada o seu, e é instituído que metade do total arrecadado seja destinado ao próprio Estado, para ser aplicado em áreas como saúde e educação, e a outra metade ao município no qual o veículo foi registrado. O valor do IPVA é calculado junto a “alíquota do imposto”, que é cobrada em cima do valor do veículo (Tabela FIPE), e pode ser pago à vista ou parcelado, a depender da definição do Estado que também pode variar em datas e valores .

Alíquota

A palavra “alíquota” significa o valor percentual que é utilizado para calcular o valor do imposto final que as pessoas, tanto físicas quanto jurídicas, pagam. Em relação aos automóveis, a alíquota do IPVA não é fixa; ela varia de acordo com cada Estado, normalmente entre 1% e 6%, e é calculada com base no valor do veículo, que por sua vez é calculado pela tabela FIPE.

Tabela FIPE

A Tabela FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) serve como um parâmetro para as pesquisas de quem quer fazer algum tipo de negociação ou avaliação do seu veículo. Nela, são colocados os preços médios de automóveis no mercado nacional, que variam de acordo com as características do veículo (como ano, modelo, acessórios) e da região, mas é claro: também temos que considerar a lei da oferta e da procura quando pensamos em preços. 

Você pode fazer uma consulta pública sobre o preço médio do seu veículo de forma gratuita e automática no site da tabela FIPE (https://veiculos.fipe.org.br/), ou pode baixar o aplicativo deles também. 

IPVA mais caro em 2022, por quê?

Pode ser que você já tenha ouvido falar sobre o aumento do IPVA em 2022, ou que você ainda não tenha procurado saber sobre isso, e até que você já esteja esperando o mesmo valor que está acostumado a pagar. Há alguns pontos que devem ser levados em consideração quando começamos a pensar nesse valor para o ano que vem: a inflação, a valorização dos carros (aumento do valor dos seminovos e dos carros usados) e o aumento do preço dos combustíveis. 

Preço dos combustíveis

Esse último não é novidade para ninguém, certo? E também é o que estamos mais acostumados a perceber, já que mais de 56% da população brasileira possui um veículo automotor segundo as médias do IBGE de 2020, e dados já foram divulgados com um aumento de 31,8% no preço dos combustíveis em apenas 12 meses. Como o preço dos carros varia de acordo com os tipos de combustíveis que podem ser utilizados neles, é lógico considerar esse fator. 

Preço dos carros usados e seminovos

No entanto, possivelmente o fator mais impactante nesse aumento do IPVA, a alta dos preços dos carros usados têm sido um ponto importante a ser analisado. A falta de carros 0 km no mercado fez a procura pelos usados aumentar, e por que a falta de carros zero no mercado? A falta de matéria prima para a produção dos mesmos e dos equipamentos tem impactado diretamente nos fabricantes de automóveis. Essa falta vem da pandemia do Coronavírus, que com as medidas de proteção freou muitas linhas de produção. 

Considerando o IPC (Índice de Preços ao Consumidor) da FIPE, houve um aumento de 24,94% no valor médio dos veículos no Brasil, considerando um período de um ano (entre outubro de 2020 e setembro de 2021), segundo notícias divulgadas pelo Valor. E é claro que a alta do dólar reflete diretamente nesses aspectos. 

Ah, mais uma coisa: lembra que falamos da lei da oferta e da procura? Em carros mais queridos no mercado e em seminovos o aumento deve ser ainda maior, aí meu bolso. Mas calma motorista, nada foi confirmado ainda, estamos te contando tudo isso para você se preparar. Por outro lado, se você estava pensando em vender o seu veículo, pode ser uma boa oportunidade de prepará-lo e aproveitar essa alto dos preços dos seminovos e usados.

Como eu consulto o valor do meu IPVA?

Para consultar o valor do seu IPVA você vai precisar de duas coisas: saber o valor da alíquota do seu Estado e o valor do seu veículo segundo a tabela FIPE. Em São Paulo, por exemplo, o valor da alíquota do IPVA é de 3% para veículos que abastecem com álcool, eletricidade ou gás, apenas, e de 4% nos que são à gasolina e flex. Vamos fazer uma simulação segundo o valor de São Paulo para carros flex. 

Pegamos o carro HB20 Ocean 1.6 Flex 16V 5p Aut da Hyundai como base. Para você consultar todas essas informações sobre o seu carro é só olhar no aplicativo da Carteira Digital de Trânsito ou no documento do seu veículo. 

No site da tabela FIPE, consultamos o valor do veículo que ficou com um preço médio de R$ 62.215,00. Considerando a alíquota de 4%, fizemos a conta de 4% do valor de R$ 62.215,00 e chegamos no resultado de R$ 2.488,60 reais de IPVA. Se você quer saber como se preparar financeiramente para o IPVA 2022, clica no link que o Gringo te leva pra um vídeo preparado exclusivamente pra você!

Também têm um artigo exclusivo comentando só sobre a consulta do valor do IPVA aqui no nosso blog. 

Isenção de veículo 

Existem automóveis que podem sim ser isentos de pagar o IPVA, e quais são eles? Primeiro, como essas variantes dependem de cada Estado, é sempre bom consultar no site do Detran específico do seu para estar certo de como funciona, mas carros que tem de 10 a 20 anos de idade podem estar completamente isentos de pagar o IPVA. No Acre, Rio Grande do Norte e Roraima apenas 10 anos de idade já são suficientes para a isenção. 

E como dissemos, existem Estados que têm maneiras próprias de determinar quem paga ou não paga, por exemplo, em Minas Gerais, todos os veículos devem pagar o IPVA, não importando a data de fabricação. Já em Santa Catarina, automóveis com a data de fabricação de 1985 já estão completamente livres do pagamento. 

Ah, e tem tudo sobre a isenção do IPVA 2022 já no canal do Youtube do Gringo, vai lá conferir!

Como eu faço o pagamento do meu IPVA?

O pagamento do IPVA pode ser feito em qualquer rede de bancos autorizada, em guichês de caixa, autoatendimento, internet banking ou débito agendado, e também pode ser pago em lotéricas. Você vai precisar do seu código RENAVAM (Registro Nacional de Veículos Automotores) que consta no seu Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos, o famoso CRLV

Calma motorista, se você esqueceu o que é o RENAVAM o Gringo te explica aqui resumidamente, mas caso queira saber mais é só consultar o artigo no blog “Renavam: um guia completo”. O RENAVAM é um número fixo e intransferível gerado no primeiro licenciamento composto de 11 dígitos padronizados, e serve para guardar informações detalhadas sobre o veículo e todo seu histórico. 

Aplicativo do Gringo 

Sim, você tem outra solução prática, rápida e fácil para consultar e quitar todos os débitos (incluindo o IPVA 2022) do seu veículo: o APP DO GRINGO! E para você que ainda não sabe, o Gringo é muito mais que um blog, um canal no Youtube e um despachante online: nós simplificamos esse mundo burocrático e financeiro para você não perder tempo!

Com o Gringo você tem profissionais qualificados para tirar todas as suas dúvidas, consegue consultar a seu CNH periodicamente para manter o controle dos pontos, consultar os débitos e ainda parcelar em 12x no cartão de crédito ou á vista no boleto bancário, entre outras funcionalidades. 

É só baixar o app Gringo que funciona tanto para Android quanto para Apple e fazer o cadastro do seu veículo. Temos um outro artigo aqui do blog explicando tudo sobre o app, e também um vídeo no canal esclarecendo dúvidas e mostrando a confiabilidade do aplicativo. 

Posso parcelar o IPVA?

Na maioria dos casos sim. Normalmente, é possível fazer o pagamento em até 3 parcelas desde que a primeira seja paga até a data do vencimento. Se, por acaso, a data cair em um sábado, domingo ou feriado você pode pagar no próximo dia útil ao vencimento, sem os acréscimos. Mas como falamos anteriormente, tudo isso depende do seu Estado e de como ele configura o pagamento do IPVA. 

Alguns Estados já divulgaram informações sobre o IPVA de 2022, por exemplo: O Distrito Federal irá permitir o parcelamento de até 6x do valor, e um desconto de 10% para quem decidir pagar à vista. O Rio de Janeiro já divulgou as datas para os pagamentos que iniciam no dia 21 de janeiro para veículos com final de placa 0, mas ainda não se posicionou sobre o número da alíquota. 

Fique atento aqui motorista! Não pague o IPVA do seu veículo em guias que não foram disponibilizadas ou emitidas em sites e programas não oficiais. 

E lembre-se: o comprovante de pagamento do IPVA não substitui o documento de licenciamento do veículo (CRLV). 

Se você quer saber o que acontece se não pagar o IPVA e como resolver o IPVA atrasado, temos um vídeo no canal do Youtube e um artigo no blog prontinhos para você não sair daqui com dúvidas! Corre lá. 

É isso, pessoal. Espero ter ajudado você a entender melhor sobre o aumento do IPVA em 2022. Se ficou alguma dúvida, comenta aqui embaixo com a hashtag #Chamaogringo que nós respondemos! E não esqueça de seguir nossas redes sociais para não perder nenhum conteúdo.

 
                                                 

Fórum de discussão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine para receber conteúdo exclusivo

Baixe o App do Gringo

  1. Mire a câmera do celular na imagem
  2. Você vai direto para a loja de aplicativos
  3. Clique em baixar app