Rodízio SP: Entenda o rodízio de carros em São Paulo [Tabela 2021]

Atualização 29/07: Devido à flexibilização das regras de distanciamento social e fim do toque de recolher, o esquema diferenciado de rodízio de veículos na capital de São Paulo deixará de valer a partir de 02/08.
Rodízio SP

O que é o Rodízio SP?

O Programa de Restrição ao Trânsito de Veículos Automotores no Município de São Paulo, mais conhecido como rodízio municipal de veículos, já está presente há mais de 20 anos na cidade e foi implantado definitivamente em outubro de 1997, quando o volume de veículos girava em torno de 4,7 milhões.

Com o aumento de filas e congestionamento nas principais vias da cidade, o rodízio SP é uma iniciativa que busca reduzir a circulação de veículos em vias públicas da cidade, melhorar as condições do trânsito e reduzir a poluição atmosférica na capital paulista

Como funciona o rodízio de carros em São Paulo?

O Programa de Restrição ao Trânsito de Veículos Automotores no Município de São Paulo, mais conhecido como rodízio municipal de veículos, já está presente há mais de 20 anos na cidade e foi implantado definitivamente em outubro de 1997, quando o volume de veículos girava em torno de 4,7 milhões.

Com o aumento de filas e congestionamento nas principais vias da cidade, o rodízio SP é uma iniciativa que busca reduzir a circulação de veículos em vias públicas da cidade, melhorar as condições do trânsito e reduzir a poluição atmosférica na capital paulista.

Antes de ser sancionado definitivamente, o plano ainda recebeu várias alterações, como os horários de circulação, dias estipulados segundo a placa de cada veículo, além de ganhar multas e fiscalização especificamente para garantir o cumprimento do rodízio municipal. 

O que também acaba sendo uma boa desculpa para economizar combustível, né? Aproveitando que a gasolina tá bem cara, você pode conferir mais algumas dicas para economizar um dinheiro com o combustível aqui

Rodízio de carros em SP – placas e horários

O rodízio SP pode parecer um pouco assustador à primeira vista, mas fique tranquilo, a regra para veículos em circulação é bem simples.

A restrição da circulação de carros é feita de acordo com o final da placa do veículo e vale de segunda a sexta-feira. Sendo assim, durante um dia por semana, cada veículo é proibido de circular no centro expandido durante seis horas, na parte da manhã e final da tarde. 

Se você está se perguntando Mas, Gringo, qual a placa de rodízio hoje em São Paulo?” confira abaixo a tabela e um exemplo de como o sistema funciona, assim você vai saber certinho qual placa pode circular em que dia:

Finais de placas e dia da semana correspondente

Para te ajudar mais ainda, vamos dar um exemplo bem fácil: se a sua placa possui o final XXX14, leve em consideração apenas o último número. Sendo assim, terça-feira será a data mais indicada para deixar o carro na garagem, pois é o dia do rodízio para placas de final 4. Já os outros quatro dias da semana estão liberados para circular por toda a cidade. 

O rodízio em São Paulo é determinado pela região, além de contar com horários específicos de fiscalização. Pela manhã, o rodízio passa a valer às 7h e termina às 10h. Já durante a tarde e noite, a fiscalização começa às 17h e finaliza às 20hDurante esse período, ao circular pelas vias que integram o rodízio, você levará uma multa. 

Por isso, motorista, é preciso estar atento aos horários de pico e locais mais movimentados, mesmo se estiver só a passeio na cidade. Não há tolerância de minutos para usuários que desrespeitam o rodízio.

AH! E vale lembrar também que durante o Plano São Paulo de Combate ao Coronavírus, os horários do rodízio foram alterados! Então muita atenção no próximo tópico.

Entenda as mudanças do rodízio na quarentena

Como mais uma medida para tentar controlar a propagação do Coronavírus, a secretaria municipal de mobilidade adotou mudanças no rodízio de veículos, que se iniciou no dia 22 de março e deve se estender durante toda a fase emergencial da quarentena, de acordo com o Plano São Paulo. Esse período chegou ao fim no dia 02 de agosto.

Durante esse período, o rodízio acontecerá em novo horário, das 20h às 5h, de segunda à sexta-feira. Já os horários do rodízio tradicional, das 7h às 10h e das 17h às 20h, foram suspensos e a circulação durante o período da manhã e final da tarde está liberada para todas as placas.⠀

“Vamos liberar nesses dois horários (da manhã e tarde) para que as pessoas possam ter a opção do carro e não depender exclusivamente do transporte público”, afirmou Bruno Covas em entrevista coletiva.

ATUALIZAÇÃO: O rodízio de veículos das 21h às 05h apenas para carros continua em São Paulo, até o dia 02 de agosto de 2021. A medida se deve à mais uma prorrogação da fase de transição anunciada em 23 de junho de 2021, do Plano São Paulo contra a covid-19, pelo governador João Doria.

A mudança de horário do rodízio visa evitar a circulação de pessoas no período noturno, reduzindo a lotação, em especial nos horários de pico, dos transportes coletivos: ônibus, trólebus, metrô e monotrilho, e segue os mesmos horários do toque de recolher imposto pelo Governo do Estado. 

Lembrando que houve apenas a mudança de horários! O rodízio municipal de veículos na parte da noite/madrugada só vale para carros e os dias das placas e locais de circulação permanecem os mesmos que no rodízio tradicional:

Mudança de horário do rodízio

Rodízio prorrogado em SP: Área de restrição

Durante o rodízio, os veículos ficam impedidos de circular no Centro Expandido, incluindo as vias que delimitam o chamado Mini Anel Viário, formado pelas marginais Tietê e Pinheiros, avenidas dos Bandeirantes e Afonso D’Escragnolle Taunay, Complexo Viário Maria Maluf, avenidas Tancredo Neves e Juntas Provisórias, Viaduto Grande São Paulo e avenidas Professor Luís Inácio de Anhaia Melo e Salim Farah Maluf.

Quais os dias de rodízio em SP?

O rodízio SP é válido de segunda a sexta-feira, exceto em feriados e em horário de maior circulação de carros e motos. Já o Rodízio na fase emergencial do Plano São Paulo, também vale para finais de semana e feriados. 

Vale lembrar que, devido à pandemia, alguns dos principais feriados de São Paulo foram adiantados para ajudar no isolamento social e prevenir aglomerações.

Locais de rodízio em São Paulo – Quais as ruas e avenidas que tem rodízio? 

Para evitar longas filas de engarrafamento, o rodízio de São Paulo definiu alguns bairros e avenidas com alto índice de veículos. Entre as principais, estão: Liberdade, Bela Vista, Moema, Mooca, Belém, Brás, Pinheiros, Perdizes, etc

Nós também listamos aqui, quais são as principais vias de delimitações para circulação de veículos, que incluem o Centro Expandido e as vias que delimitam o Mini Anel Viário. 

Ou seja, é proibido circular das 7h às 10h e das 17h às 20h, no rodízio tradicional e das 20h às 5h no rodízio durante o Plano São Paulo, de acordo com o final da placa e dia estipulado, nos seguintes locais:

– Marginal Tietê;

– Marginal Pinheiros;

– Avenida dos Bandeirantes;

 Avenida Afonso D’Escragnolle Taunay;

– Complexo Viário Maria Maluf;

– Avenida Tancredo Neves e Juntas Provisórias;

– Viaduto Grande São Paulo;

– Avenidas Professor Luís Inácio de Anhaia Melo

– Avenida Salim Farah Maluf.

Para facilitar, podemos ver as delimitações certinhas aqui no mapa de rodízio SP:

Delimitações no mapa de rodízio SP

Posso andar no bairro mesmo em dia de rodízio?

Uma dúvida frequente entre os motoristas é: posso usar meu carro em dia de rodízio, enquanto estiver no bairro que moro? Tudo vai depender se o local que você vive está incluso na fiscalização. 

Para pessoas que moram em áreas de rodízio com extensão, o mais recomendável é não utilizar o seu carro durante o rodízio SP para evitar alguma multa ou infração. Entretanto, se a sua residência estiver fora dessa área, não tem problema.

Ficou curioso para saber se o seu bairro está incluso na lista de rodízio de carros? Não se preocupe, a lista completa está disponível no portal da Prefeitura de São Paulo.

Quem pode pedir isenção do rodízio?

Ficou interessado no pedido de isenção do rodízio de carros de São Paulo? 

Calma, apesar de ser a vontade de muitos, é preciso estar atento às regras. Apenas médicos, deficientes e serviços públicos e/ou essenciais (água, lixo, serviços funerário, luz, telefone, gás, fiscalização de trânsito e transporte, coleta de lixo, tapa-buracos e correio, etc.) têm direito a isenção, desde que estejam devidamente identificados como tais. 

Outra exceção são motoristas que transportam pessoas com alguma limitação ou deficiência

Você também pode conferir a lista completa das categorias de veículos que têm direito à isenção do rodízio SP no site da Secretaria de Mobilidade e Transportes ou do CET.

Veículos com placas de outras cidades são isentos?

Não. Independente da placa, qualquer veículo que circular na cidade de São Paulo está sujeito ao rodízio, fiscalização e, caso seja pego cometendo alguma infração, o condutor será multado.

Você acha que tomou alguma multa no rodízio? Baixe o app da Gringo e consulte agora com a sua placa. É possível checar todas as multas e realizar o pagamento dos débitos em até 12x. E se tiver alguma dúvida de como consultar a sua placa, nesse vídeo nossa amiga Gringa Juliana, explica como é fácil!

Existe tolerância para o rodízio?

Não existe! Assim que o motorista entra em uma área de rodízio, no horário e dia estipulado para a placa do veículo, ele pode levar uma multa ao passar por algum órgão fiscalizador ou, o mais comum, ao ser pego pelos radares. 

Como funciona a multa por rodízio? Posso tomar mais de uma multa no mesmo dia? 

A multa de rodízio é considerada uma infração média, com o valor de R$130,16 e 4 pontos na CNH do motorista que sair com o carro no horário da restrição. 

Se você esqueceu que era dia de rodízio e saiu de carro? Cuidado! Algo que poucos motoristas sabem: é possível receber mais de uma multa por rodízio no dia. Na realidade, você pode ser multado em até duas vezes (de manhã e de tarde), caso desrespeite as delimitações e dias estipulados do rodízio por placas em SP. 

Se quiser saber mais sobre multas, pontos, tipos e valores é só clicar aquipara entender mais 

Quem pode aplicar multa por rodízio em São Paulo?

A aplicação de multas e infrações pode ser feita por diversos órgãos, especialmente por haver vias e áreas monitoradas por diferentes serviços. 

Além dos temidos radares espalhados por toda a cidade, os principais responsáveis por aplicar as multas de rodízio são: os guardas municipais, dentro do município em que estejam atuando; a Polícia Rodoviária Federal, nas rodovias federais; a Polícia Rodoviária Estadual, nas rodovias estaduais; e a Polícia Militar, nas cidades, principalmente em comandos.

Motos também entram no rodízio?

Não! Pode ficar tranquilo.

Motos, táxis, guinchos, transportes coletivos e escolares, veículos utilizados em serviços essenciais e de emergência não entram no rodízio. 

No entanto, durante a quarenta, estarão sujeitos às fiscalizações da fase emergencial e ao toque de recolher, estabelecido das 20h às 5h. 

E aí, amigo, o que achou do conteúdo? Ficou com alguma dúvida? Comente aqui embaixo com a #Chamaogringo 🚗 que a gente te responde!

E não se esqueça de nos seguir nas redes sociais e youtube para ficar por dentro de todas as novidades do mundo automotivo e burocrático. 

 

Fórum de discussão

83 respostas

    1. Opa, Claudinei. No app Gringo você consegue ver todos os seus débitos, inclusive o IPVA que pode ser parcelado em até 12x 😊

      1. Opa, amigo! Tudo bem? Motos, táxis, guinchos, transportes coletivos e escolares, veículos utilizados em serviços essenciais e de emergência não entram no rodízio. Belezinha, Cassiano? Um abraço #SeuAmigoGringo🚗

        1. Uma pergunta ? Eu moro no estado do RJ eu tbm participo do rodízio em São Paulo?

          1. Oi Leandro, tudo joia?
            Amigo, veículos de outros estados também devem respeitar o rodizio de São Paulo seguindo os mesmos critérios. Então importante pesquisar antes as condições de circulação nos locais e horários definidos para que não ocorra de pagar multa no valor de R$ 130,16, certo? E por se tratar de infração média também gera quatro pontos na carteira. Tudo bem?!Qualquer dúvida #chamaOGringo🚗💙

    1. Oi, Marinez 😊 Que legal seu comentário. A gente tá aqui para esclarecer e simplificar a vida dos nossos amigos motoristas. Sempre que precisar é só mandar mensagem. Pode contar com a gente 💙🚗

      1. O final da minha placa é 1 , eu e o carro é emplacado no Rio .
        Eu só posso passar em São Paulo na segunda-feira dàs 20 hs até às 5 hs de terça ?
        Ou eu só não posso passar nas data e horário mencionado acima ?
        Agradeço desde já .

        1. Isso mesmo, Humberto, não pode circular no horário e data mencionados. O restante é livre, ok? Se ficar alguma dúvida é só chamar 😀

          1. Minha placa e final 9 estou indo pra mogi das cruzes qual horario posso passar pela marginal tiete na sexta cedo

          2. Oii Joel, como está amigo?
            Nesse caso a sua placa de final 9 tem rodízio sexta-feira, Das 7h às 10h da manhã e das 17h às 20h da noite, esses são os horários que não é permitido circular, fora dos horários citados é permito você circular com o carro.

            #SeuAmigoGringo🚗💙