Placa Mercosul: entenda as mudanças para fazer o emplacamento Mercosul

As placas Mercosul, são basicamente um padrão adotado por países do bloco Mercosul, com um aumento de combinações, e uma mudança estética e funcional das anteriores. A troca das placas precisa ser feita para veículos novos, com placa anterior danificada ou perdida, veículos que trocaram de categoria ou mudaram de município.
imagem de uma placa mercosul em um fusca azul

E aí, motorista! Tudo bem? Você sabe o que é a placa Mercosul? Ela chegou faz pouco tempo, então ainda há muitas dúvidas em relação a ela. Afinal, todo mundo é obrigado a trocar? Ela é tão cara quanto parece? O Detran faz esse serviço? Vem com o Gringo que respondemos a todas essas questões.

O que é a placa Mercosul?

Antes de mais nada, vamos ao principal: o que é a placa Mercosul? Basicamente, ela consiste em um padrão adotado por países do bloco Mercosul. Ela possui uma mudança estética e funcional comparada à versão anterior, como a adição de uma letra, a subtração de um número e um novo QR Code de consulta.

Então, se você viajar para países como Argentina, Uruguai, Peru ou Paraguai, por exemplo, vai se deparar com emplacamento padronizado Mercosul, com diferenças nos detalhes, como a ordem dos caracteres ou marca d’água.

A nova placa Mercosul é branca, com uma faixa azul em cima. Além disso, ela conta com um QR Code que pode ser escaneado por qualquer cidadão com cadastro no Denatran. O código serve para consultar informações sobre o veículo e o condutor. Legal, não é?

Placa Mercosul - exemplo de placa

Como a sequência e as cores das placas Mercosul funcionam?

Vamos começar pelas cores, ok? Apesar do padrão ser azul e branco no fundo, as novas placas possuem distinções, como as antecessoras. O que difere é que apenas os dígitos são coloridos. Seguindo essa lógica:

  • preto: veículos particulares, como sua motoca e seu carro;
  • vermelho: veículos comerciais, como táxis, coletivos e caminhões;
  • azul: veículos oficiais, de representantes diplomáticos, cônsules e internacionais, por exemplo;
  • Verde: veículos especiais, como os usados em test-drive;
  • Laranja: diplomáticos;
  • Cinza: veículos de colecionadores.

Além das cores, as sequências de dígitos estão diferentes. Agora, existe uma letra a mais e um número a menos. O espaço que ficava entre os dígitos também não existe mais. Essa mudança não foi por acaso. Graças a ela, agora, é possível fazer 450 milhões de novas combinações. Bastante coisa, não é?

No Brasil, a sequência é AAA1A11, ou seja, três letras da placa Mercosul, um número, uma letra e mais dois números. Os veículos que têm a placa antiga e precisam mudar ganham um dos números substituídos por letras, seguindo a ordem do alfabeto, por exemplo:

A = 0
B = 1
C = 2
D = 3
Até chegar ao J = 9.

Quem precisa trocar a placa para o Mercosul?

Ao contrário do que muita gente pensa, não são apenas os novos veículos que têm a nova placa Mercosul. A lista é um pouco mais extensa, mas o Gringo te explica. Vem com a gente!

  1. Novos veículos: veículos 0 km são obrigados a terem o primeiro emplacamento com a nova placa Mercosul, mesmo que o proprietário prefira a antiga;
  2. Veículos com a placa anterior danificada ou ilegível: se o lacre também estiver danificado, é necessário que o proprietário troque de placa o mais rápido possível;
  3. Veículos que trocaram de categoria: carros particulares que viraram táxis, veículos usados para aluguel, vans de comércio que viraram motorhome ou situações semelhantes devem mudar de placa;
  4. Veículos que mudaram de município ou estado: se você mudou oficialmente, o seu veículo também deve mudar a placa;
  5. Veículos com placa roubada, extraviada ou furtada.

Os casos citados acima são obrigados a realizar a alteração, mas qualquer cidadão que queira a nova placa Mercosul pode pedir a mudança voluntariamente. Não são todos os estados brasileiros que adotaram o novo sistema, portanto, verifique a disponibilidade no Detran mais próximo.

Como trocar a placa?

Afinal, como mudar a placa para Mercosul? O processo de solicitação é diferente. O CRV (Certificado de Registro de Veículo) é emitido pelo Detran, como antes. O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) recebe a notificação de autorização da confecção da placa.

O proprietário do veículo recebe essa autorização e deve procurar o fornecedor de estampagem de preferência para iniciar a confecção. É importante lembrar que esse fornecedor precisa ser credenciado pelo Detran. Verifique o site para conferir a lista completa.

Quando a placa for entregue ao proprietário, basta instalá-la assim como era feito anteriormente. Apesar de não parecer, ambas as placas têm o mesmo tamanho, então nenhuma tarefa a mais é necessária para aprender como mudar a placa para Mercosul no seu veículo.

Qual é o valor?

O valor da placa Mercosul não é tabelado. Cada fornecedor pode precificar da sua forma. Porém, o Detran costuma aplicar um teto sobre esse valor para não ocorrer muita diferença entre os preços oferecidos pelos fornecedores.

O teto depende do estado. Em São Paulo, por exemplo, a máxima é R$ 138,00, para carros e veículos maiores, e R$115, para motocicletas. Já no Amapá, o valor é um pouco maior, alcançando até R$ 500,00.

Acompanhe os débitos do seu veículo com o Gringo!

E aí, motorista. Gostou de saber mais sobre a placa Mercosul? Esperamos que sim! Agora, que tal baixar o nosso app e consultar os débitos do seu veículo de forma rápida, segura e prática? O Gringo é o melhor amigo do motorista e tem o intuito de facilitar o seu dia a dia.

 

Fórum de discussão

3 respostas

  1. bom dia a minha placa tá ficando tá começando a ficar danificaras as letra e numero como que eu faço eu poso trocar por aqui com vcs também

    1. Oi amigo, Marcio! Vou te ajudar! O procedimento para troca da placa é assim:
      – Garanta que a documentação do veículo esteja em dia (licenciamento, multas, taxas, ipva..).
      – Após isso, dirija-se a um posto mais próximo do Detran de sua cidade e comunique que você precisa realizar a troca da placa.
      – Esteja com os documentos do veículo e do proprietário para apresentá-los quando for solicitado.
      – O veículo irá passar por uma vistoria.
      – Depois disso basta ir a uma empresa credenciada para estampar a placa.
      E prontinho. Tudo bem? Espero que eu tenha te ajudado! Caso tenha alguma dúvida ou receio pode nos contatar através do link http://bit.do/fMVaY que vamos te orientar. #chamaogringo. 🚗

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine para receber conteúdo exclusivo

Baixe o App do Gringo

  1. Mire a câmera do celular na imagem
  2. Você vai direto para a loja de aplicativos
  3. Clique em baixar app