Lacre de placa: entenda o que é e como colocar em carros e motos

Mais segurança contra clonagem: entenda o objetivo do lacre da placa de um veículo e fique por dentro de outras questões
lacre de placa

Desde que ocorreu a mudança de placa para a versão do Mercosul, vários motoristas têm se perguntado como ficou a parte do lacre de placa. Precisa continuar usando? E quem ainda não trocou a placa?

Na verdade, não dá para falar do lacre sem mencionar a justificativa para mantê-lo e sua relevância para a segurança do veículo. Neste artigo, você vai entender melhor o tema e descobrir como colocá-lo. Confira!

O que é lacre de placa e para que ele serve?

O lacre é um arame de segurança que ajuda a manter a placa fixa no automóvel. Conta com um número de apresentação, que é o que impede que seja clonado. Dessa forma, ao encontrá-lo mal ajustado, fique alerta! Isso levanta suspeitas de que o objeto está irregular e pode significar uma tentativa de clonagem.

No entanto, em sempre o motivo está relacionado a uma ação criminosa. É possível, por exemplo, que o carro tenha sofrido uma colisão traseira recentemente, e, como consequência, o lacre afrouxou. Vale lembrar que, em caso de desgaste, é preciso ajustá-lo para evitar que a placa se solte.

Um detalhe para facilitar a identificação é a cor do lacre. Se for azul, então, você já sabe que o carro é novo ou foi adquirido com zero quilômetros. Se for usado, relacrado ou transferido de cidade, a cor será verde.

Como o lacre de placa deve ser instalado?

A instalação é feita por despachantes e fabricantes de placas credenciados no Departamento de Trânsito regional. Não subestime esse acessório! Se estiver sem ele e for pego em uma blitz, você vai precisar desembolsar uma multa, pois isso é uma infração gravíssima. Além disso, vai receber sete pontos na carteira de habilitação e ter o carro removido, o que implica em mais despesas.

Em atenção a isso, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran), por meio do Código Brasileiro de Trânsito (CTB), definiu quais parâmetros devem ser seguidos, como qual deve ser o tipo de material usado. Nesse caso, utiliza-se uma chapa de ferro e películas refletivas para tarjeta e placa.

Para os motoristas que têm medo de danificar a lataria: não se preocupem! O próprio Detran afirma que é necessário furá-la para assegurar que a instalação foi feita de acordo com a determinação legal.

Em caso de dúvidas, é só consultar o Artigo nº 115 do CTB e a Resolução nº 231 do Contran. Orientar-se é importante para entender como vai funcionar o trabalho do despachante e o que será cobrado em uma abordagem. Até porque, se o serviço não for realizado conforme as especificações técnicas, o próprio fabricante pode ser punido e ter seu credenciamento cancelado.

O que fazer se o lacre de placa estiver rompido?

A primeira atitude a tomar ao notar que o lacre está rompido é acessar o portal do Detran da sua região e procurar pelo GAD-E (Guia de Arrecadação do Detran), selecionando a opção “solicitação de vistoria”. Após o pagamento da guia, procure o Centro de Registro de Veículos Automotores (CRVA), setor do Detran responsável pelo procedimento.

A vistoria é uma avaliação necessária em algumas situações, como na transferência de um veículo para um novo proprietário. No caso de danos ao lacre de placa, essa análise também é recomendada, e, após sua realização, o lacre é substituído.

Outro caso possível é o motorista encontrar a placa sem o lacre. Aqui, o assunto é mais sério. É preciso registrar imediatamente um boletim de ocorrência em uma delegacia de polícia (em alguns estados, também é possível fazê-lo pela internet). Solicite também uma vistoria e, com a guia em mãos, o B.O. e uma cópia da sua CNH ou outro documento com foto, procure o CRVA.

Placa Mercosul precisa de lacre de placa?

Mesmo não sendo um assunto tão recente, quando se fala sobre a placa Mercosul, é importante contextualizar. Essa placa começou a ser vista em 2018, mas a ideia de sua fabricação veio em 2014. A proposta era usar um modelo que fosse padrão em todos os países que compõem esse bloco econômico. Em 2019, o Contran impôs sua obrigatoriedade para os casos a seguir:

  • primeiro emplacamento do carro ou da moto;
  • segunda placa traseira;
  • mudança de cidade ou estado;
  • alteração de categoria;
  • furto, roubo, extravio;
  • transferência de propriedade com mudança de localidade.

No entanto, mesmo nas situações que os casos acima não se aplicam, se o condutor optar pelo modelo, ele pode trocar naturalmente. Basta procurar uma estampadora. O Detran só se envolve na parte de registrar e emitir os documentos necessários. Em São Paulo, o valor médio é de R$ 138,24.

Na placa Mercosul, o lacre não é necessário. As chapas também não têm tarjetas. No entanto, é como se ele existisse, porque é proibido mudá-las de lugar, o que pode resultar em multa. A infração pode variar, mas, supondo que o condutor trafegue com ela coberta, o valor a pagar será de R$ 195,23 (mais 5 pontos na CNH e retenção do veículo).

Há quem considere o modelo novo mais prático, já que agora o próprio proprietário pode instalar sua placa com o uso de parafusos. Isso é mais simples em relação à forma anterior, que demanda um trabalho especializado. Por outro lado, considerando o objetivo do lacre de placa, será que não houve um prejuízo em relação a segurança do veículo?

A resposta é não! Quando a placa Mercosul foi pensada, a estratégia para assegurar o automóvel foi modernizada em conjunto. Agora, em vez de ter lacre, a placa conta com uma marca d’água e um QR Code, que servem para facilitar seu rastreio e dificultar ações criminosas.

O lacre de placa é um ponto essencial para se analisar, em especial na compra de um carro usado. Por via das dúvidas, sempre consulte a placa do veículo e confira seus dados, como ano, versão e o RENAVAM. Afinal, todo cuidado é pouco se o objetivo for preservar seu bolso, concorda?

Além de se beneficiar de conteúdos como este, queremos que você aproveite as diversas funcionalidades do nosso app. Baixe o Gringo que a gente ajuda você a cuidar bem do seu veículo e da sua CNH!

 

Fórum de discussão

2 respostas

  1. o lacre do carro e muito interessante tem uns que são vermelhos outros brancos e outros de chumbo pena que eu não tenho meu carro pra fazer cursos de reciclagem
    só faço exame de vista e exame médico

    acho qqq. esta com outra personalidade e difícil estar junto com outros motoristas. só ando com meu pai
    ele é motorista de mais.
    sobre o lacre.

    1. Fala Santos! Tudo joia?
      Entendi, amigo. Ah que demais, amigo!! 🤗
      Um abraço do #SeuAmigoGringo🚗💙

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine para receber conteúdo exclusivo

O Super App que simplifica a vida do motorista! IPVA, CRLV, Licenciamento, CNH e mais.
O Super App que simplifica a vida do motorista! IPVA, CRLV, Licenciamento, CNH e mais.

Baixe o App do Gringo

  1. Mire a câmera do celular na imagem
  2. Você vai direto para a loja de aplicativos
  3. Clique em baixar app